Mizuno Half Uphill – A Preparação

por / quinta-feira, 08 setembro 2016 / Postado emDesafio Secreto
Uphill 2016

A Mizuno Uphill era a minha prova dos sonhos e isso eu nunca escondi. Tanto é, que quando lancei o Desafio Secreto, imaginei que qualquer um que me conhece um pouquinho adivinharia qual era a prova na primeira conversa! Mas não foi isso que aconteceu… Eu tinha tanto medo da prova e tanto respeito pela Serra e sua grandiosidade, que não falava da minha inscrição na prova nem com o meu espelho! É verdade!!! Mas vamos falar um pouco dessa prova maravilhosa, da minha motivação para escolhê-la e de toda a preparação. Os relatos serão divididos em 4 partes para não cansar vocês e sai 2 textos por dia! 😉

A Uphill é uma das provas mais desafiadoras do Brasil. Subir a Serra do Rio do Rastro correndo era o meu sonho desde que vi o desenrolar da primeira edição, em 2013! Tive um envolvimento emocional muito grande com a prova, vi pessoas queridas subindo aquela Serra e contando lindas histórias de superação, de dificuldades, de respeito. Eu queria muito enfrentar aquela Serra, mas não estava disposta a correr 42km… Por isso, que quando anunciaram a nova prova de 25km na Serra, pirei! Para saber mais sobre a prova, sobre a minha escolha, clique AQUI. Minha inscrição no sorteio da Uphill foi de n.º12!!! Isso mesmo!!! Fiquei de plantão na frente do computador e fui a 12ª inscrita para o sorteio! Era muita vontade de viver tudo aquilo…

Fui sorteada na primeira leva. Fiquei transbordando de felicidade! Eu não cabia em mim… E a minha mãe foi sorteada no segundo lote! Cara, encarar a prova dos meus sonhos e ao lado da minha mãe?! Era emoção demais para uma pessoa só! Eu não sabia nem o que pensar! Mas durou pouco isso. Minha mãe simplesmente não pagou a inscrição e não falou mais sobre o assunto. Até que eu falei que realmente ia para a prova e ela se assustou. Pra quem pensa que foi tudo muito lindo, podem saber que não! A primeira resistência foi em casa, com meus pais. Não foi apoio total como em comercial de margarina! Aqui é vida real, né?! Mas eu nunca busquei apoio. Só queria respeito ao meu sonho! E talvez seja por isso que segui em frente, sem me importar com tudo o que ouvi de gente que nem me conhece direito, que nem sabe o que eu vivi nessa vida! Nem tudo são flores e eu ouvi muito desaforo ao longo dos 9 meses de preparação! Ouvi muita coisa que me chateou, que me fez questionar a minha capacidade, que me fez chorar muito e até perder o sono! Mas isso também passou!

Para realizar o meu sonho, que eu sabia que era muito difícil, mas não impossível, busquei pessoas que pudessem realmente se comprometer comigo, com os meus anseios, com as minhas necessidades! A primeira coisa que pensei foi que eu precisava de uma Assessoria de Corrida. Pela minha história e pelo meu relacionamento com corredores, eu sabia que tinha que ser a Run&Fun. Não tinha outra opção, eu não queria outra! Isso era inegociável! E fui recebida de braços abertos!!! Ter a Run&Fun ao meu lado, me deixou muito segura! A partir do momento em que sentei para conversar com o Paulo Santos, todas as minhas dúvidas sobre conseguir fazer essa prova desapareceram. Eu simplesmente sabia que estaria pronta e que ia realizar um grande sonho! Isso foi primordial! Foi sensacional!

No início, contei também com uma nutricionista que segue a linha Paleo Low Carb e foi muito bom! Cheguei a eliminar 9kg e estava muito feliz, mas ela teve problemas familiares, eu não estava me sentindo apoiada e resolvemos seguir cada um para o seu lado. Depois disso, fiquei pulando de nutricionista em nutricionista e não consegui me adaptar com ninguém. 🙁 A medicação para bursite me fez engordar e eu confesso que dei uma desanimada boa! Ganhei 10kg depois do tratamento, dos quais só perdi 4kg até o dia da prova!

No fim das contas, muitas mudanças foram necessárias por conta da bursite que eu desenvolvi em Fevereiro! Leia aqui sobre a Bursite Trocantérica! Por causa desse problema, comecei a fazer pilates e tive que parar com a musculação, ganhei muito peso e tive dificuldades enormes para emagrecer, tive que diminuir o ritmo de treino e até pensei em desistir! Mas foi também por causa da bursite que eu conheci o trabalho da Fibra Treinamento e Performance, que é parceira da Run&Fun, e ganhei um fisio para chamar de meu e para me apoiar e incentivar ao longo de 5 meses de tratamento! O Antônio não desistiu de mim nem por um minuto e esse foi outro apoio muito importante para seguir em frente com os treinos e não desanimar!

Foram 9 meses pesados, em que senti muita dificuldade para conciliar treinos e vida pessoal. Eu só pensava na prova, vivia para a prova e fui deixando tudo meio de lado! Toda a programação tinha que encaixar com os meus treinos. Café com as amigas, suspensos! Baladinhas e rocks, suspensos! Finais de semana preguiçosos, suspensos! Tour Gastronômico, suspenso! Cervejas Artesanais, suspensas! Minha vida era corrida, academia, dieta e fisioterapia! Não cabia mais nada e não estava ruim… Foi muito bom ter essa disposição para me preparar!

Com a proximidade da prova, eu tinha muito medo, mas tinha muita vontade de chegar lá e ficar cara a cara com a Serra! Era uma coisa muito louca! Algo que eu realmente não sei explicar!

Aline Oliveira
Apaixonada pela vida, por esportes, pessoas e suas histórias. Curiosa sobre o mundo e eterna aprendiz. Depois de anos proibida de praticar os esportes que amava devido a um probleminha nos joelhos, resolvi me arriscar. Não aceitei largar a corrida e hoje sou uma corredora muito feliz!!!

TOPO
%d blogueiros gostam disto: