Apenas um Corredora Feliz…

por / terça-feira, 22 outubro 2013 / Postado emVida de Corredor
Run

Run

Eu nunca corri uma Maratona e muito menos uma ultra! Nunca fiz tempos dignos da inveja alheia, nunca subi em um pódio… Na verdade ganhei o 3.º lugar numa prova de 4km esse ano, mas por um erro da organização, só recebi a premiação 3 semanas depois – não teve graça alguma receber a medalha em casa e não ter subido ao pódio! Não sei se algum dia, vou me destacar nesse esporte. Tenho minhas limitações e considero a corrida uma forma de diversão! Levo a sério, mas nunca será obrigação!!!

Considero correr, uma forma de me superar, uma forma de vencer os meus medos, exorcizar os meus demônios! Na corrida eu luto contra a minha mente, contra a minha preguiça, contra as limitações do meu corpo! Corro porque sou feliz fazendo isso, porque amo a sensação de liberdade que a corrida me traz! Corro porque só quando comecei a correr, vi que a vida poderia ser leve… Corro porque a corrida mudou a minha vida, me fez ter coragem de arriscar, de ser quem eu realmente era! Não corro para impressionar ninguém, não corro para ser melhor que alguém, não corro para provar algo! Corro porque amo!!!

Tenho lido e ouvido muito sobre quem são os corredores de verdade… Me incomoda a expressão “corredores de verdade”! Mostra que uns se acham mais importantes que outros, que um grupo se acha digno de um título e automaticamente considera outro grupo incapaz, deficiente, falso! Quanto julgamento! Num esporte tão democrático como a corrida, dói perceber que existe tanto julgamento, tanto preconceito! Tanta gente se ofendendo por se julgar melhor, mais digno, mais preparado… Decepcionante! Eu não sou melhor do que ninguém, sei que existe muita gente melhor, mais preparada, mais esforçada! Mas sei que existe muita gente generosa, aberta, disposta a ajudar!

Ainda vejo muito humor no nosso meio, consigo me divertir com muitas coisas! Me divirto quando um não corredor me chama de maratonista, morro de rir quando um corredor me chama de pangaré (pois sei que sou), me emociono com as conquistas alheias, com as histórias de superação e é disso que eu mais gostaria de falar, de ouvir, de assistir… Talvez um dia eu seja uma corredora respeitável, talvez eu seja sempre mais uma no meio da multidão. De verdade? Isso não me interessa muito! Só quero continuar sendo uma corredora! Está bem assim? Quem ama corrida é corredor!!! Eu penso assim!!! Não quero que ninguém pense como eu, quero apenas que pensem, que reflitam, que se coloquem no lugar do outro… Sem preconceitos, apenas esporte!!!

Talvez um dia eu corra uma maratona e alguém diga que sou uma corredora de verdade (espero que seja em 2014), talvez no futuro eu me sinta pronta para uma ultra maratona, talvez um dia eu seja rápida e faça tempos lindos. Talvez… Para viver, é preciso ter sonhos!!! Mas a realidade é o que tem pra hoje! Chega de preconceito no nosso esporte!!! Não me sinto menos corredora por não ter feito coisas excepcionais, não sou menos apaixonada por corrida por não ter ousado fazer uma maratona! Que a nossa corrida seja leve!!! Que possamos correr por amor, por sorrisos, por nós… só por nós!!!

Boas corridas!!!

Aline Oliveira
Apaixonada pela vida, por esportes, pessoas e suas histórias. Curiosa sobre o mundo e eterna aprendiz. Depois de anos proibida de praticar os esportes que amava devido a um probleminha nos joelhos, resolvi me arriscar. Não aceitei largar a corrida e hoje sou uma corredora muito feliz!!!

TOPO
%d blogueiros gostam disto: